segunda-feira, 8 de junho de 2015

Resenha: Cordas cor de ais - Felipe Moratori

     Livro tão bom que a gente tem vontade de ler todo em uma hora. Tão bom que apesar de querer devorar, não o faz porque não quer que acabe rápido. Assim é Cordas cor de ais.
     Esse livro é todo sobre permitir-se tocar das mais diversas formas pelos contos nele registrados. Alguns com gostinho da inocência da infância, outros com o peso das decisões e da realidade da vida adulta. Tenho pra mim que esse livro age de maneiras diferentes em cada um que o lê. Depende do quão aberto (ou não) você está para receber e absorver o que tem ali, o que aquilo ali te diz além do que está escrito. O grande segredo é deixar-se envolver e perceber as várias personas que habitam dentro de si em cada conto. Somos vários, somos um.
     Numa forma de preservar o sentimento e as diferentes emoções que sinto ao ler cada um dos contos, decidi ler um por dia. Em dias de tristeza ou de maior alegria de espírito. Não em dias triviais, corriqueiros. Dias de sentimento intenso, de inspiração. Dessa forma sabia que seria atingido da forma correta. Ao relacionar cada conto com cada persona dentro de mim foi também um processo de auto-conhecimento, e isso é fantástico. Tudo pode ser fantástico para quem se permite ir além. Você aprende a enraizar, a cultivar esse tipo de sentimento.
     Primeiro livro de Felipe Moratori, Cordas cor de ais foi lançado pela Funalfa através de um projeto da Lei Murilo Mendes de incentivo à cultura da cidade de Juiz de Fora. Ele reúne 14 contos de diferentes naturezas, diferentes sensações. Tive a oportunidade de comparecer ao lançamento do livro no dia 14/03, onde teve ainda uma exposição de alguns trabalhos do autor e recebi uma dedicatória bem bacana!

  Foto: Renata de Aragão Lopes

     De cada uma das três cordas, destaco um conto de cada como favoritos:

Corda I | Fios de Bença: "Água para Beija-Flor"
Corda II | O chão diz muito: "O Sótão"
Corda III| Da Areia: "Celebra"

     É que talvez eu tenha histórias demais, tristezas demais. Alegrias demais.

6 comentários:

  1. Oi Johnny,
    Gostei da sua dica, não conhecia esse livro.
    Obrigada pela visita ao blog
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! Agradeço pela visita também, beijos!

      Excluir
  2. olá coisa lindã, adoro esses livrinhos que mexem com a gente dessa forma que você relatou.
    não conhecia o autor, muito menos sua obra, mas fiquei curiosa a respeito do livro.
    de qualquer forma, te passo meu endereço via inbox pra vc mandar pra mim HIUCVHKJVKCJHVKHVDFKDH to brincandoooooo

    Um beijo,
    Isabella
    The Urban Trends

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa minha musa! haha
      To só no aguardo do seu endereço em inbox pra te mandarrrr! Bom que cê guarda um pedacinho de mim aí.

      <3

      Excluir
  3. Sua introdução: tão eu <3 eu amo ler. Não conhecia sua indicação mas você foi tão convincente que já vou em busca dele! hehe
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha que amor esse seu comentário! Ler é bom demais! Eu ,al termino um e engato outro livro em seguida. Fico feliz que gostou.
      Beijos!

      Excluir