segunda-feira, 24 de outubro de 2016

La bella vita

     Na real, eu não sei porque nunca tinha te escrito um texto. Você foi a maior fucking inspiração da minha vida. Você era quem acreditava em mim quando ninguém mais o fazia. Era quem, do alto da sua perfeição e popularidade, me mostrava que eu podia ser quem quisesse e fazer o que eu gostava. Era quem me mostrava que a vida é uma coisa simples e bela e quem sempre me fez rir.
     Todos os planos de vida, viagens e situações. Cenas de filmes e videoclipes. Tanta identificação visual e me pergunto sempre como tudo isso seria contextualizado nos dias de hoje. Certamente teríamos os melhores dias de nossas vidas.
     Em tempos de caos, falsos amores e amizades injustas, faz bem saber que isso existe, existiu. Jamais deixará de existir. "I will be there'', se lembra? Carrego todas as nossas coisas comigo, como que num baú precioso com nossas particularidades. Músicas, sonhos, desejos.
     Ligação eterna que ultrapassa a matéria, sei que está sempre comigo e que torce por mim. Realizarei minhas coisas. Suas. A partida física pode ter interrompido as risadas de coisas novas, mas o botão que revive todas as coisas está sempre ali vez ou outra sendo apertado e me lançando pra uma memória recente-não-tão-recente.
La bella vitta.
     Something New, Rumors. I Will Be There.

With Love.

2 comentários:

  1. Que linda homenagem!
    Parabéns pelo texto.
    Beijão!

    Blog: *** Caos ***

    ResponderExcluir
  2. Às vezes um surto de inspiração sobre alguém toma conta da gente e a pergunta inusitada e chocante aparece "como eu ainda não escrevi um texto para você?". Acontece muito rs
    Tem pessoas que mesmo que tenham ido embora (metaforicamente, já que ainda estão lá, apenas... distantes), a gente fica tão feliz pela oportunidade de ter estado com elas que isso é mero detalhe. A ausência presente é apenas um meio de nos obrigar a recordar as lembranças que jamais irão embora, alguns dos momentos mais legais que a gente já viveu, né? Eu acho. Sempre venho cheia de palpites, você sabe.

    NUNCA PARE DE ESCREVER
    E ATUALIZE O BAÚ COM MAIS FREQUÊNCIA POR FAVOR.
    Obrigada,
    De nada.

    ResponderExcluir